Olá, seja bem-vindo ao MONATRAN - Movimento Nacional de Educação no Trânsito
Tel.: 48999811015
você está em:NotíciasSC é exemplo de adequação à Lei Geral de Proteção de Dados
Imagem Contato
06 de Outubro, de 2021
Notícias
|
By ELLEN BRUEHMUELLER
SC é exemplo de adequação à Lei Geral de Proteção de Dados

Santa Catarina foi destaque no 70° Encontro Nacional dos Detrans com a apresentação das adequações à Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) que estão sendo implantadas no Estado. O evento ocorrido nos dias 30 de setembro e 1° de outubro, em Palmas, no Tocantins, contou com a presença da diretora do Detran catarinense, Sandra Mara Pereira, do presidente da comissão no Detrans-SC para ajustes à LGPD, Thael Rosa e os dirigentes dos órgãos estaduais de trânsito do Brasil, além de especialistas e colaboradores.

A diretora Sandra Mara destacou que as adequações à Lei vão oferecer qualidade de serviços aos cidadãos, representam o aumento de segurança de dados pessoais e sensíveis, além de prevenir o vazamento de informações dentro do sistema do Detran, o qual é gerenciado pelo Centro de informática e Automação do Estado (Ciasc).

“Santa Catarina diante de alguns estados da federação está bem adiantado e conseguindo adequar o sistema. Os gestores precisam acompanhar as modificações. Ainda temos muitos desafios, mas estamos conseguindo vencer as etapas. Seguimos o foco determinado pelo governador Carlos Moisés desde o início da gestão que é oferecer o melhor atendimento aos catarinenses”, enfatizou a diretora.

O presidente da comissão no Detran apresentou as ações práticas feitas no Estado. Thael explicou todos os passos para implantação das adequações em Santa Catarina, como a identificação de fontes potenciais de vazamento externo, grupo de trabalho multidisciplinar, termos de confiabilidade e sigilo, divulgação de meios de comunicação do cidadão específicos em relação à LGPD, melhoramento contínuo do serviço Detran Digital entre outras.

“A LGPD é um tema novo e foi um assunto muito importante para discutirmos no encontro. A experiência pioneira em SC foi demonstrada e elogiada, despertando interesse nos outros Detrans, especialmente diante da necessidade de implantação de medidas semelhantes nos seus respectivos estados”, informou Thael.

O trabalho em Santa Catarina conta com o apoio da Secretaria de Estado da Administração, Ciasc e Procuradoria-Geral do Estado (PGE).

Durante os dois dias de encontro também foram abordados temas como tecnologias, soluções e melhorias de sistemas e serviços para o setor do trânsito. O encontro é promovido pela Associação Nacional dos Detrans.